skip to Main Content

Leave-in: saiba como e quando usar esse finalizador

Leave-in: Saiba Como E Quando Usar Esse Finalizador

Na hora de cuidar dos cabelos, o arsenal de beleza vai muito além de shampoos e condicionadores. Para ter fios fortes e saudáveis os finalizadores são indispensáveis. Porém, diante da variedade de produtos disponíveis para atender às mais diversas necessidades, apostar em um leave-in é a melhor escolha?

A resposta é simples: sim! O leave-in é recomendado para todos os tipos de cabelo. Entretanto, é preciso estar atento à embalagem para saber se o produto escolhido é realmente adequado para as características dos seus fios.

Quer saber mais sobre esse finalizador e como usá-lo para conseguir os melhores resultados? Então, acompanhe o post!

O que é o leave-in?

De maneira bastante objetiva, leave-in é um creme de tratamento sem enxágue. Como permanece nos cabelos após a aplicação, o produto ajuda a proteger os fios de danos externos.

Não é à toa que muitos desses produtos têm agentes que conferem proteção térmica — ideais para quem faz escova ou chapinha. Além disso, eles conferem uma série de benefícios para os cabelos, como:

  • ajudam a desembaraçar os fios;
  • auxiliam na definição dos cachos;
  • aumentam a hidratação;
  • reduzem o frizz.

Como usar o produto?

Aplicar o leave-in é rápido e fácil. Em pouco tempo é possível espalhar o creme pelos cabelos e finalizar o penteado da forma como achar mais conveniente. Veja algumas dicas para tornar o processo ainda mais eficiente:

Aplique nos cabelos úmidos

A melhor hora para usar o leave-in é após o banho, com os cabelos úmidos e limpos. Algumas opções ajudam a desembaraçar os fios, sendo perfeitas para serem usadas antes de pentear.

Mas atenção! O finalizador não é um substituto do condicionador. Suas ações são complementares e ambos devem ser usados nos cuidados com as madeixas.

Coloque a quantidade certa

A medida de produto a ser aplicado varia muito conforme o tipo e o tamanho do cabelo. Assim, é preciso testar como o cabelo reage a diferentes quantidades do leave-in, sempre tomando cuidado para não exagerar na dose e deixar os fios pesados.

Foque no comprimento

Para evitar o aspecto oleoso, o leave-in deve passar longe das raízes. Na hora de espalhar o produto, concentre-se no comprimento e, principalmente, nas pontas. Afinal, essa é a parte mais danificada dos cabelos.

Capriche na finalização

Lisos ou cacheados, não importa. Após aplicar o leave-in, é possível modelar melhor os cabelos. Para quem quer fios retinhos, basta usar um pente fino e esperar que sequem naturalmente. Agora, se o objetivo é criar ondas e cachos, o melhor é usar as mãos para amassar as madeixas.

Quem usa babyliss, chapinha ou faz escova não pode abrir mão do finalizador antes terminar o penteado. Além de proteger os fios, os ativos do leave-in têm seus efeitos potencializados pelo calor.

Leave-in é creme para pentear?

A confusão é bastante frequente e, por isso, temos o dever de esclarecer: leave-in e creme para pentear não são iguais. Como vimos, o leave-in é um creme de tratamento que apresenta um efeito restaurador em longo prazo.

O creme para pentear, ao contrário, não cuida da estrutura do fio. Seu objetivo é ajudar no dia a dia, contribuindo para desembaraçar e hidratar os cabelos, mas sem protegê-los dos danos do cotidiano. Por ser mais oleoso e não oferecer proteção térmica, esse produto não deve ser usado antes de uma escova ou chapinha.

Pronto! Agora que você já conhece as vantagens e sabe como usar corretamente o leave-in, escolha aquele que é mais adequado às suas necessidades e aplique-o sempre que lavar os cabelos.

Usar um bom finalizador é apenas uma parte do tratamento dos fios. Conheça, agora, os produtos necessários para seguir um cronograma capilar e tenha cabelos ainda mais fortes e brilhantes!

 

Comentários
Compartilhar

Albérico Souza

Albérico Souza é diretor técnico da Hydra Cosméticos e proprietário de um renomado Salão de Beleza. Possui mais de 30 anos de experiência como Hair Stylist e realizou, durante sua carreira, cursos de aperfeiçoamento no exterior; além de diversas pesquisas sobre cosméticos e o mercado de beleza.

Back To Top